Estágio: ponte para o profissionalismo

Olá pessoal, desculpem a ausência essa semana, mas eu estou numa correria imensa devido ao período de provas e entregas de trabalhos na faculdade :/ Mas não fiquem tristes, que já estou voltando à rotina e novos posts serão lançados logo, logo o//

Hoje resolvi falar sobre um dos locais que mais frequento: Meu estágio. Acredito que muitos de vocês, assim como eu, ficam curiosos quando vão começar um estágio e nunca trabalharam na vida! Bate uma insegurança, de como vai ser, o que fazer, como se comportar, etc… Mas fiquem tranquilos, é uma experiência super importante e bacana!

Pra quem não sabe, eu faço estágio não-obrigatório na Defensoria Pública da União – Categoria Especial, há mais ou menos um ano e meio… Fiquei sabendo pela própria faculdade, que me informou que haveria processo seletivo, e então eu participei…No início fiquei muito nervosa, por medo de não ser o que eu esperava, e principalmente, por não ter  nenhuma experiência (mais tarde percebi que o estágio serve justamente pra isso, hehe). Quando comecei eu estava apenas no 3º semestre do curso, então tive que estudar algumas matérias adiantadas para não ficar perdida. Mas a inexperiência e nervosismo não foram problemas, eu conheci pessoas incríveis lá dentro que me ajudaram e me ensinaram muito, e com paciência. O gabinete onde trabalho é da área criminal, na parte que diz respeito aos crimes federais, recursos, assistidos, etc.

IMG_20140929_093030907

O ambiente na DPU é bem tranquilo, tanto com relação às pessoas que lá trabalham (desde o pessoal da limpeza, do cartório, do RH, até os outros gabinetes que lá atuam), quanto ao trabalho. Apesar da demanda ser grande, e chegarem cerca de 5 a 10 processos por dia/por gabinete, dividimos as tarefas entre os estagiários (aproximadamente 3 em cada gabinete), e contamos com o auxílio da chefe de gabinete (assessora) e do Defensor público, que são formados em Direito e concursados da área.

Posso dizer que até agora, estagiar tem sido uma das experiências mais legais que já tive! Eu amo o trabalho que faço lá, aprendo diariamente a verdadeira prática do Direito, já que faço recursos e demais peças dos processos, e descubro o quanto gosto de atuar na área, até mais do que na faculdade (que é a parte mais teórica)… fora que o clima é de total descontração, você cria verdadeiras amizades  e pessoas que entendem a sua situação de iniciante…

Enfim, eu aconselho procurarem desde o início do curso, um local para estágio que tenha a ver com o seu foco de carreira, até pra conhecer e ter certeza se é realmente isso que quer… É importantíssimo levar à sério, pois é o primeiro contato que terá com o mercado de trabalho. Claro, que é minha primeira experiência no ramo, então não posso afirmar que todos os órgãos são assim, mas eu tenho amado e o meu desejo por cargos públicos tem aumentado…

Espero ter ajudado e me coloco a disposição de vocês 🙂 Beijinhos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s